Conheça os benefícios do ensino híbrido

Você conhece os benefícios do ensino híbrido para além do contexto de pandemia?

Nos mais de dez anos em que o ensino híbrido sido amplamente praticado no ensino básico e superior, realizaram-se inúmeros estudos sobre seus benefícios e sua eficácia. Os resultados são claros: os alunos declaram sua forte preferência por esse formato de aulas e os testes de desempenho mais objetivos têm números surpreendentes, como os que resultaram de estudo conduzido pelo consórcio de universidades americanas Barnes and Noble com 1.300 estudantes americanos, que mostrou que as taxas de reprovação em ambientes com métodos de ensino tradicionais são 55% mais altas do que aquelas verificadas em ambientes de ensino híbrido e ativo.

Em texto anterior, discutimos um pouco sobre o conceito de ensino híbrido, com algumas dicas práticas para uma transição bem sucedida. Aqui, vamos continuar a conversa, explorando um pouco dos benefícios desse modalidade que veio para ficar.

Como explicar a eficácia do ensino híbrido?

Sem dúvida, um dos grandes benefícios do ensino híbrido é a sua flexibilidade, não apenas em relação ao modo de utilização do tempo, mas também à forma como os cursos são ministrados, como os alunos se envolvem com o material disponível, como se dá a interação entre alunos e professores e como são realizadas as avaliações. O modelo de ensino híbrido amplia o espaço de aprendizagem, que não está mais restrito às salas de aula. Combinando os espaços físicos da escola com os múltiplos espaços virtuais, o ensino híbrido permite que o aluno aprenda dentro e fora do espaço formal, de forma contínua e mais conectada a sua realidade cotidiana. 

Enquanto o ensino presencial permite um tipo de envolvimento imediato difícil de ocorrer on-line, o ensino em ambientes virtuais permite que as crianças desenvolvam suas habilidades de forma autônoma e de acordo com seus interesses e habilidades pessoais. Por isso, ambos se completam. Para uma potencialização dos benefícios do ensino híbrido, é preciso que as atividades a serem desenvolvidas no ambiente presencial e virtual sejam pensadas e planejadas de maneira complementar.

A sala de aula é o local onde as relações são construídas através do convívio, gerando um senso de comunidade muito difícil de obter em um ensino totalmente on-line. Trata-se do local privilegiado para as discussões em tempo real, trabalhos em grupo e apresentações. O ambiente virtual, por outro lado, privilegia a exploração independente, a autonomia de pensamento e a criatividade, no qual os alunos podem assistir a vídeos e ler artigos repetidamente, a fim de reforçar conceitos, experimentar jogos de assimilação e adequar o ritmo e o foco a suas necessidades individuais.

No entanto, para uma implementação bem sucedida do Ensino Híbrido na sua escola, é necessário uma série de mudanças e planejamento que vão muito além da aquisição de computadores e tablets. Pensando nisso, preparamos para vocês um e-book exclusivo com tudo o que você precisa saber para trazer todos os benefícios do Ensino Híbrido para a sua escola. Desmistificando o Ensino Híbrido é o seu guia definitivo sobre a nova metodologia que veio para ficar. Baixe o material completo no link abaixo.

Desmistificando o Ensino Híbrido

Conceito, metodologias e dicas práticas para a sua escola

E agora, vamos entender melhor tudo o que o Ensino Híbrido pode trazer para a sua escola?

Quatro benefícios do ensino híbrido

Personalização

A personalização do ensino parte do princípio de que cada estudante possui um perfil próprio e diferentes necessidades de aprendizado e que, por isso, é impossível atender às necessidades de todos os alunos, ao mesmo tempo, com um único esquema de ensino. Assim, para buscar a melhor maneira de ensinar, são levadas em consideração algumas particularidades, como os interesses, conhecimentos prévios, a realidade sociocultural e habilidades específicas. 

Partindo de planos de ensino e métodos de aprendizagem mais flexíveis e adaptáveis, os professores conseguem um maior aproveitamento das aulas e uma experiência de ensino mais inclusiva. No entanto, isso não significa elaborar um plano de aula para cada aluno, mas utilizar as ferramentas disponíveis para um acompanhamento mais próximo de cada estudante e uma consequente adaptação das atividades propostas.

Um dos benefícios do ensino híbrido é a personalização do ensino. Na Educacross, o professor pode realizar a personalização através das missões, que podem ser individuais ou designadas para toda a turma
Um dos benefícios do ensino híbrido é a personalização do ensino. Na Educacross, os desafios são ajustados de acordo com o perfil de cada aluno

Um exemplo dessa personalização pode ser visto na Plataforma Educacross, na qual todas as interações realizadas pelo aluno são monitoradas e várias métricas são consideradas. Dessa forma, a cada desafio cumprido, a plataforma ajusta-se ao desempenho identificado, personalizando a aprendizagem e respeitando o perfil do aluno, tornando mais possível que ele se expresse em seu melhor ritmo. Tanto os desafios como os jogos são personalizados e, além disso, há mecânicas de gamificação também personalizadas e inteligentes que promovem o engajamento, a autoavaliação e o desenvolvimento da metacognição.

Os professores, por outro lado, conseguem acompanhar o desempenho de cada aluno por meio de informações entregues de forma contínua e em tempo real, sendo capaz de realizar intervenções mais ágeis e assertivas. Por meio desses relatórios, o professor também pode personalizar o programa, através da criação de roteiros de jogos próprios, as missões, que podem ser individuais ou designadas para toda a turma.

Aprendizado ativo e desenvolvimento da autonomia

As atividades virtuais e personalizadas permitem que os estudantes participem ativamente de seus processos de aprendizado, que passam a acontecer de maneira independente e autônoma. Além disso, uma aprendizagem ativa estimula a busca por estratégias para a resolução de problemas práticos relacionados à realidade de cada aluno, construindo um pensamento crítico e incentivando a proatividade. Um aprendizado ativo e autônomo também contribui para o desenvolvimento da dimensão socioemocional dos alunos, que se tornam mais seguros e confiantes em si. 

Experiência de aprendizado flexível

Como consequência da personalização, o ensino híbrido permite que as atividades sejam realizadas de maneira flexível, respeitando as diferenças dos alunos e promovendo o melhor ritmo para a aprendizagem, levando em conta os diferentes interesses e os pontos fracos e fortes de cada aluno e conduzindo-os de forma dinâmica e flexível.

As tecnologias permitem o registro, a visualização e o processo de aprendizagem de cada um e de todos os envolvidos. Mapeiam os progressos, apontam as dificuldades, podem prever alguns caminhos para os que têm dificuldades específicas (plataformas adaptativas). Elas facilitam como nunca antes múltiplas formas de comunicação horizontal, em redes, em grupos, individualizada. É fácil o compartilhamento, a coautoria, a publicação, produzir e divulgar narrativas diferentes. A combinação dos ambientes mais formais com os informais (redes sociais, wikis, blogs), feita de forma inteligente e integrada, nos permite conciliar a necessária organização dos processos com a flexibilidade de poder adaptá-los a cada aluno e grupo.

José Morán, Professor Doutor da USP

Na Educacross, as possibilidades de que fala o prof. José Morán são utilizadas em seu máximo potencial. A Plataforma utiliza a Inteligência Artificial para produzir evidências, que ajudam na visualização dos processos de aprendizado e direcionam as ações a serem desenvolvidas.

Mais motivação e melhores resultados

Segundo Marc Prensky, criador do termo nativo digital, as crianças de hoje em dia trabalham sempre com atividades simultâneas, preferem gráficos a textos, funcionam melhor quando conectadas e precisam de recompensas constantes. Na maioria das vezes, essas características são tomadas como negativas e acabam gerando reclamações de pais e educadores. 

No ensino híbrido, no entanto, essas características são levadas em consideração e vistas como positivas, sendo estimuladas a fim de ampliar e modular o aprendizado. Tal fato, além de demonstrar aos alunos que suas individualidades são respeitadas, os torna mais motivados, o que se reflete diretamente nos resultados obtidos em testes objetivos, como o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM).

Veja o gráfico de desempenho de duas turmas:

O Gráfico 1 analisa, ao longo de três anos, o desempenho de uma turma que começou a utilizar a Educacross em 2017, no 3º ano do Ensino Fundamental I. É notória a evolução das notas da turma, que crescem a cada ano de utilização sistemática da plataforma.

Quer todos os benefícios do ensino híbrido na sua escola?

Em meio a tantas mudanças na educação, o ensino híbrido veio para ficar, tomando conta dos planejamentos pedagógicos de escolas em todo o mundo.

Apesar de já ser uma tendência há algns anos, somente recentemente, com a pandemia e a necessidade de colocar em práticas modalidades de ensino remoto, o ensino híbrido alcançou grande visibilidade no Brasil. Rapidamente, o modelo híbrido se tornou a resposta para a necessidade cada vez maior de modernizar e diversificar o ensino, tornando-o mais atrativo para nossas crianças, cada vez mais conectadas

No entanto, para trazer todos os benefícios do ensino híbrido para a escola, é necessário realizar uma implementação cuidadosa, com uma mudança no planejamento e na cultura escolar. Nós da Educacross, temos uma experiência consolidada em otimizar o ensino híbrido. Quer conhecer mais? Agende uma conversa conosco!

Tags: | |

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.